Receitas, dicas culinárias, restaurantes e viagens. Aprecie sem moderação!

Bélgica

Hallerbos, a floresta de bluebells na Bélgica

Programando sua viagem para Bélgica? Hallerbos, a floresta azul ao sul de Bruxelas é a atração que não pode faltar na sua lista!

Post para quem está planejando viagem para a Bélgica e quer visitar a floresta azul.

A Bélgica tem muitas atrações para quem ama flores e tem a primavera como a estação preferida do ano. Uma delas é a visita às Estufas Reais de Laeken, que só abrem para a visitação em um curto período da primavera (este ano, de 14 de abril a 5 de maio). Mas uma das atrações mais encantadoras deste período fica um tanto afastada de Bruxelas, que é Hallerbos .

Esta floresta que é antiga, mas conta com muitas árvores jovens e a vegetação rasteira completamente cheia de bluebells – conhecidos no Brasil como jacintos. Estas flores, com a chegada da primavera, florescem e formam um encantador tapete azul, transformando a região, no município de Halle, com uma atmosfera mágica, digna de conto de fadas.

São mais de 1.300 hectares de floresta, 30min. ao sul de Bruxelas, com espaço preservado para quem gosta de apreciar esse bioma um tanto quanto raro – além desta na Bélgica, as outras florestas de Bluebells estão todas na Inglaterra. O ambiente é propício para quem gosta de fazer caminhadas, passeios de bicicleta e respirar ar puro. O parque conta também com banheiros e mesas para piquenique.

Um pouco de história

Santa Waltrudis, patrona da cidade de Moins, na Bélgica.

A menção mais antiga ao Hallerbos data do ano de 686, quando Santa Waltrudis, da dinastia dos Merovíngios chegou à região, para viver na abadia de Bergen. Como a abadia não tinha mais condições de tomar conta da floresta, após um acordo de 1229, foi colocada sobre a tutela e proteção dos Lordes de Bruxelas.

Com o passar dos séculos, a região foi mudando de proprietário, conforme era dominado, tento sido parte da França, Holanda e Alemanha.

Durante a Primeira Guerra Mundial, as tropas alemãs derrubaram todas as árvores grande e antigas, deixando a floresta em ruínas. Depois da Grande Guerra, esta região que então pertencia ao Ducado de Arenberg foi confiscada pelo Governo da Bélgica, como garantia de que os prejuízos causados pelos alemães, seriam compensados.

No ano de 1929, Hallerbos passou a pertencer definitivamente ao governo como compensação de guerra, que em 20 anos reflorestou completamente a região. Por esse motivo é que as árvores da região são tão novas.

  • Marcações de fronteira

Ao longo do passeio pelo parque é possível ver várias pedras com inscrições. Esta espécie de monumentos seculares são nada menos que marcações de fronteira do século 18. Isso porque na época existiam divergências entre os dois proprietários do local, que ao fazerem novo acordo sobre propriedade e exploração da região, fixaram stas pedras com nomenclaturas que podem ser vistas até hoje.

  • Visitação

Para quem deseja visitar o local, existe um site com informações completas (disponível em inglês), onde toda semana são pistados vídeos para que os visitantes podem acompanhar a floração a cada ano. Este abaixo foi postado no último dia 17/03/2017. Abaixo, um resumo das informações ara visitantes.

  • Informações práticas sobre o Hallerbos

* Instruções para visitar Hallerbos com links para infos em inglês.

* Mapas para caminhada: https://www.hallerbos.be/en/visitors-info/hiking-map/

* Trilhas (links para download de mapas): https://www.hallerbos.be/en/visitors-info/walks/

* Museu (horários e dias de abertura para este ano) – entrada grátis https://www.hallerbos.be/en/visitors-info/forest-museum/

* Para visitar de carro (mapa e rota): https://www.hallerbos.be/en/visitors-info/car/

* Para visitar com transporte público: https://www.hallerbos.be/en/visitors-info/public-transport/

One thought on “Hallerbos, a floresta de bluebells na Bélgica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.