Receitas, dicas culinárias, restaurantes e viagens. Aprecie sem moderação!

Dicas, Dicionário de Culinária

11 vinhos de guarda para sua adega

Se você planeja ter vinhos para envelhecer, confira algumas excelentes opções de rótulos.

O fato de estar constantemente provando comidas e sabores diferentes tem aguçado meu paladar para vinhos. Não que entenda alguma coisa do assunto, mas ao menos sei que uvas aprecio e quais não, apesar de gostar muito e estar sempre degustando novas cervejas.

E com isso, passei a gostar de ter vinhos interessantes para degustar em uma ocasião ou outra, para variar um pouco nas opções etílicas. Sempre tenho vinhos mais simples que gosto de usar para cozinhar (já falei sobre isso aqui), mas comecei a gostar da ideia de “envelhecer” alguns, assim como temos feito com várias cervejas.

Foi então que passei a pesquisar rótulos que são conhecidos como vinhos de guarda, que são bons para beber agora e também para deixar envelhecer. Foi então que me deparei com uma lista bem interessante da Food & Wine com uma lista bem interessante, que compartilho a quem aprecia a bebida. O post original em inglês pode ser conferido aqui.

Abaixo segue a lista de vinhos. Para entender como escolher vinhos de guarda, sugiro a leitura deste post da Grand Cru, elaborado pelo sommelier Massimo Leoncini.

11 vinhos de guarda para sua adega

Vinhos Brancos

  • Spottswoode Sauvignon Blanc 2016

Um dos produtores mais históricos de Napa Valley, indicado que seja guardado por 4 ou 5 anos.

  • Domaine Huet le Mont Sec Vouvray 2016

Um dos vinhos brancos mais conhecidos do mundo, tem notas florais e pera, que ganha notas de mel à medida em que envelhece.

  • Rudi Pichler Grüner Veltliner Terrassen Smaragd 2015

À medida que envelhece, este vinho assume notas tostadas e cremosas e pode ser guardado por uma década facilmente.

  • Stony Hill Napa Valley Chardonnay 2015

Notas de maçã verde e acidez brilhante, mas só adicionará camadas de sabor mais intensas nos próximos anos.

  • Antinori Cervaro Della Sala 2015

Em uma degustação recente em NY, essa mistura de Chardonnay e a uva Grechetto (variedade da Úmbria, na Itália) local provou que pode envelhecer sem esforço por pelo menos 25 anos: a safra de 1988 ainda estava incrível.

  • Schloss Johannisberg Silberlack Riesling Trocken GG 2015

Quando Schloss Johannisberg foi fundada, as Cruzadas ainda estavam em andamento. Novecentos anos depois, a propriedade ainda está cultivando uvas e produzindo Rieslings como este com cheiro de pêssego e totalmente seco. Com o tempo, sua complexidade só se aprofundará ainda mais.

— — —

Vinhos Tintos

  • Coudoulet de Beaucastel Rouge 2013

O valor de referência do Châteauun Beaufastel, o Châteauneuf-du-Pape, custa mais de US $ 100 por garrafa. O enólogo Marc Perrin compra este de vinhedos do outro lado da rua, que custa 30% desse valor. Compre algumas garrafas, beba agora e guarde o restante para tomar daqui a 5 ou 10 anos.

  • Château Meyney 2014

Este vinho é uma barganha perene para qualquer adega e, em safras recentes – como esta poderosa de 2014 -, o castelo está produzindo alguns dos melhores vinhos de todos os tempos. 

  • Domaine Raspail-ay Gigondas 2014 

Este é um Gigondas clássico e antigo de um produtor familiar de quinta geração, cheio de notas de cereja escura e pimenta branca. Exuberante e rico agora, ficará mais picante e mais exótico na próxima década ou até mais.

  • Tasca D’Almerita Rosso del Conte 2012

Criado no final da década de 1960 pelo conde Giuseppe Tasca, este tinto com sede em Nero d’Avola provou que a Sicília podia produzir vinhos de classe mundial, não apenas simples goles. De tanino robusto quando jovem, ao longo do tempo (até 20 anos) amacia e adquire deliciosas notas de cereja preta seca e especiarias.

  • Reserva Particular Beringer 2013 Cabernet Sauvignon

Este vinho de 2013 é formidável e intenso, com camadas de doce, amora e taninos enormes. Observe que as safras desde a década de 80, que geralmente podem ser encontradas por um bom preço – mas como sempre, verifique se elas foram bem armazenadas.

— — —

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.