Receitas, dicas culinárias, restaurantes e viagens. Aprecie sem moderação!

Grécia, Viagem

Templo de Poseidon em Cabo Sounion: fim de viagem na Grécia

Nada mais justo do que encerrar a viagem pela Grécia do que com a visita ao magnífico Templo de Poseidon!

Foto: Visit Greece

Depois de vários posts com dicas de viagem para Grécia, chegou a hora de encerrar em um dos locais mais incríveis para visitar na parte continental sul do país. O Templo de Poseidon em Cabo Sounion é uma atração imperdível, que conhecemos em um passeio de carro a partir de Atenas.

O majestoso Cape Sounion, um ponto estratégico no Mar Egeu, a pouco mais de 70km de Atenas, na região sul da Grécia, era conhecido pelos gregos antigos como o “Cabo Sagrado”. No topo deste penhasco de 60m de altura, fica um dos santuários mais importantes da região: o templo dedicado a Poseidon, deus Olímpico do mar.

Foi construído entre 444 e 440 aC, todo em mármore. Acredita-se que o arquiteto seja o mesmo que construiu o Templo de Hefesto na ágora antiga de Atenas. Ao todo, contava originalmente com 16 colunas, de forma que resistisse ao tempo e à aspereza do ambiente. Suas colunas em estilo dórico são mais finas no topo propositalmente, para que parecessem mais altas.

História antiga e mitologia do Templo de Poseidon

Como em muitos outros monumentos da Grécia, fatos históricos sobre o Templo de Poseidon em Sounion estão entrelaçados com lendas. Acredita-se que este seja o local onde o rei ateniense Egeu se matou pulando do penhasco. Ele foi até lá para aguardar o retorno de seu filho Teseu que vinha de Creta, viu as velas negras no navio e pensou erroneamente que ele havia sido morto pelo Minotauro, uma criatura com a cabeça de um touro e o corpo de um homem. 

Na verdade, Teseu havia vencido o Minotauro, mas esqueceu de substituir as velas negras em seu navio pelas brancas ao voltar, o que acabou levando à morte de seu pai. E assim, em homenagem, o nome de Egeu foi dado ao Mar Egeu.

E na Odisséia, Homero cita Sounion como o lugar onde o rei Menelau de Esparta enterrou seu timoneiro, que morreu em seu posto enquanto contornava o cabo.

Na mitologia grega, Poseidon, irmão de Zeus, era o Deus do Mar, por isso não é de admirar que ele tenha sido altamente reverenciado e adorado em um país com mais de 13.500 km de costa. Os gregos antigos acreditavam que as tempestades eram sinais da ira de Poseidon. Portanto, o templo em Cape Sounion era um lugar sagrado, onde os marinheiros e a população em geral vinham oferecer sacrifícios para apaziguar as tormentas.

Para visitar o Templo de Poseidon em Cabo Sounion

Há quem recomende a visita matinal ao local, para almoçar em uma das tavernas gregas da praia mais próxima, e apreciar a view que é notável desde a antiguidade. Mas o por do sol também é recomendadíssimo.

O ingresso custa cerca de 8 euros e a dica é que você fique até o sol se pôr completamente.

A cafeteria que fica antes do acesso ao templo é ótima e conta com boa infraestrutura para visitantes. Outras infos práticas, confira aqui no site oficial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.