Receitas, dicas culinárias, restaurantes e viagens. Aprecie sem moderação!

Dicionário de Culinária

Conversas à Mesa 5

Mais uma edição do nosso Conversas à Mesa, para falarmos do que rolou na semana.

Um pouco de atraso nesse nosso Conversas à Mesa 5, e já antecipo que a semana que passou falou em vários sentidos. Não consegui me concentrar para escrever nos blogs tanto quanto queria, entre outras coisas que falharam.

Fico um pouco chateada, pois este conversas à mesa era para ser publicado todo domingo. Espero que me desculpem e não me abandonem! Bora para as pautas? Digam-me o que pensam sobre cada um destes assuntos.

Conversas à Mesa 5

  • Waterloo

Semana teve passeio rápido até Waterloo, afinal não tirávamos o carro da garagem já tinha quase 3 semanas e ele estava reclamando (juro, de verdade). Ainda não postei sobre este que é um dos principais destinos turísticos da Bélgica porque não fizemos a visita turística. Mas está nos nossos planos fazer isso neste verão ainda.

— — —

  • Receitas fail

Acho que o que cortou um pouco da minha empolgação esta semana é que resolvi testar receitas em que me dei mal. Uma sucessão de problemas que relatarei quando conseguir encontrar o ponto exato de cada uma para postar aqui. Mas, basicamente, é pelo motivo que resolvi criar este blog: as pessoas não testam as receitas antes de postar na internet.

Fica bem complicado, na grande maioria das vezes faltam informações, numa total falta de consideração com quem realmente tenta fazer estas receitas. Eu levo muito à serio o conteúdo que posto aqui, sempre reviso minhas receitas e considero todos os comentários relativos às técnicas apresentadas.

Por isso não entendo e não aceito quando alguém fica de palhaçada, e não fala nem o tempo correto dos preparos. Aconteceu principalmente com este “Pãozinho de Tapioca em Minutos” que só ficou comestível, porque alterei a receita após ver que não tinha como dar certo da forma que a pessoa indicava.

Não vou dar o nome do “santo”, mas é um canal milionário do youtube de um pai de família. Nos comentários é possível ver onde ele falha na receita, por isso, fica aqui a minha dica: sejam sempre muito críticos com as receitas que vocês vêem na internet. E agradeço todas as críticas que recebo no mundo virtual.

— — —

  • Frutas que não ficam maduras nunca

Já devo ter comentado ao menos no Instagram que mamão aqui é considerada uma fruta exótica. A grande maioria das frutas que consumimos aqui vem de regiões mais quentes da Europa, mas tem umas que não tem condições e sempre vem da América, África ou Ásia. O problema é que acertar e conseguir frutas de qualidade é uma loteria.

Com isso, acaba que muitas vezes compro frutas que não ficam maduras, elas passam do verde direto para o “passada” demais, se é que vocês me entendem. Foi o caso desse mamão que comprei para fazer Creme de Papaya com Cassis. Por isso fica minha dica: apostem nas frutas locais ou época. Aqui na Bélgica, indico muito que provem as cerejas e os morangos (os melhores que já provei).

— — —

  • Fim do roaming internacional no Mercosul

Uma novidade que já experimento aqui na Europa há mais de ano: residentes dos países integrantes do Mercosul não precisam mais pagar por roaming internacional. Eu acho uma maravilha viajar e não precisar se preocupar com pagamento extra de dados de internet. Aqui você confere uma reportagem mais completa sobre o assunto.

— — —

  • Planos de viagem

Planejando as viagens que faremos no segundo semestre desse ano em planilhas do drive. Como vocês planejam as viagens de vocês? Eu ainda não achei nenhum método mais prático e seguro do que este.

— — —

Para ver o que rolou nos nossos outros Conversas à Mesa, acesse aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.