Receitas, dicas culinárias, restaurantes e viagens. Aprecie sem moderação!

Acompanhamentos, Receitas, Vegetariana

Batata gratinada, receita francesa

Mais do que um prato de batata gratinada, o Gratin Dauphinois é um clássico inquestionável da culinária francesa.

Como sei que aí no BR o frio continua, sigo com minhas receitas com cara de inverno, como essa de batata gratinada. O clássico francês – que lá é conhecido por Gratin Dauphinois – é um excelente acompanhamento para carnes e é a opção ideal para quem quer brilhar no almoço de domingo.

Mas antes de seguirmos com a lista de ingredientes e modo de preparo, vale lembrar uma informação importante. Na receita clássica francesa de batata gratinada (o tal do Gratin Dauphinois) não leva queijo. Como não consigo conceber gratinados sem queijo (ainda mais uma receita de um país que se orgulha dos seus queijos), eu cometi um delito e coloquei queijo gruyère.

Na verdade, é um prato relativamente simples de batatas fatiadas assadas no leite e/ou nata, que desenvolve um topo crocante, proveniente do seu teor de amido, e sem fazer uso de queijo. Eu decidi fazer com queijo, por isso chamei de Batata Gratinada e não de Gratin Dauphinois. Se você quiser fazer a receita tradicional, basta remover o queijo.

Medidas da receita para servir quatro pessoas, como acompanhamento.

Receita de Batata Gratinada

Ingredientes

  • 1 kg de batata branca;
  • 500 ml de leite integral;
  • 1 1/2 colheres de chá de sal;
  • Noz moscada, pimenta branca, ramos de tomilho e alecrim;
  • 1 dente de alho;
  • 3 colheres de sopa de cebolinha picada (opcional);
  • 150 ml de nata.

Modo de Preparo

Descasque as batatas, lave brevemente e corte em fatias de mais ou menos meio cm. Se preferir, use um processador de alimentos. Não lave as batatas depois de cortar, ou você perderá todo o amido (e ele é importante principalmente se você for fazer a receita sem queijo).

Pré-aqueça o forno a 220 ° C, enquanto aquece o leite e uma panela (até ferver) com sal, noz moscada, tomilho e alecrim. Descasque e corte o dente de alho ao meio, remova o miolo e esfregue na superfície da assadeira/travessa que você vai usar para preparar a batata gratinada.

Em seguida, coloque metade das batatas na travessa, passe metade da nata sobre as batatas, salpique pimenta branca. Remova o tomilho e o alecrim do leite, e coloque metade sobre as batatas. Coloque a outra metade das batatas o restante do creme de leite e por fim, o restante do leite fervido.

Se você escolher colocar queijo, use para finalizar, como em qualquer gratinado com queijo.

Leve ao forno já aquecido para assar por por 35 a 40 minutos, até borbulhar nas bordas e dourar bem no topo. Deixe descansar por cerca de 10 minutos antes de servir.

— — —

Confira lista de receitas francesas clássicas que já foram testadas pelo blog:

Post introdução com lista de pratos clássicos

Ainda faltam 12 receitas! Confira a lista do que ainda precisa ser testado ou postado:

  • Crepe de Trigo Sarraceno – já testei
  • Blanquette de Veau
  • Hachis Parmentier – já testei
  • Pot-au-feu
  • Lamprey à la Bordelaise
  • Quenelles com Molho de Lagosta
  • Sopa de Peixe à la Rouille – já testei
  • Bouillabaisse
  • Soupe au Pistou
  • Fondue Savoyarde
  • Choucroute Garnie
  • Cod Accras

— — —

Lista que inspirou esta serie de posts pode ser conferida aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.